Ensino de programação: veja porque sua escola deve implementar

Ensino de programação: veja porque sua escola deve implementar

Ensino de programação: veja porque sua escola deve implementar

Os tempos certamente mudaram. Se antes utilizar a tecnologia em sala de aula parecia algo impensável, hoje nos vemos sem conseguir desvincular a inovação dos ambientes educacionais. Essa mudança é natural e gradativa, mas ainda é comum observar muitos educadores demonstrando certa resistência a, por exemplo, o ensino de programação.

Seja por falta de familiaridade com o tema ou por medo de não conseguir se adaptar à nova realidade, muitos professores e gestores de instituições de ensino resistem ao ensino dessa disciplina em classe. Isso pode, a longo prazo, prejudicar os estudantes daquele colégio, já que conhecer a programação é praticamente uma demanda do mercado atual.

Ainda não sabe exatamente por quais razões uma escola deveria investir no ensino de programação e outras tecnologias? Não se preocupe! A seguir, conversaremos melhor sobre esse tema e você verá que esse tipo de estratégia pode ser vantajoso em muitos aspectos. Boa leitura!

Por que o ensino de programação é importante?

Como mencionado no início de nossa conversa, os tempos agora são outros e, com as mudanças, novas demandas também surgiram em diversos campos. Um deles é, sem dúvidas, o mercado de trabalho, que hoje abriga pessoas muito mais preparadas do que acontecia outrora.

A geração que compreende as crianças atualmente em idade escolar enfrentará desafios muito diferentes na hora de buscar experiências profissionais após o término dos estudos. Algumas estatísticas são, inclusive, bastante interessantes. De acordo com dados levantados pelo Fórum Econômico Mundial em 2018, cerca de 65% dos empregos desses estudantes ainda nem existem.

Números como esses mostram a extensão da fluidez dos avanços tecnológicos. A cada ano, novas ferramentas são criadas e as inovações não param de surgir. Por isso, criar uma base sólida de programação e uso da tecnologia para as crianças é o melhor modo de prepará-los para o que está por vir.

Quais são as vantagens desse ensino para o aluno?

Embora a colocação no mercado de trabalho seja uma incrível vantagem para os alunos que estudam programação em seu dia a dia escolar, isso não é tudo. Trabalhar essa disciplina constantemente também traz uma série de outros benefícios para o desenvolvimento psicossocial e acadêmico da criançada. Confira, a seguir, alguns deles.

Desenvolvimento do raciocínio lógico

A necessidade de estruturação de pensamentos para programar e utilizar a tecnologia é uma ferramenta incrível para que os pequenos aprendam a montar bons raciocínios, com começo, meio e fim. Essa é, inclusive, uma prática recomendada até mesmo para alunos autistas e com outras necessidades especiais.

Aprimoramento da criatividade

Assim como o raciocínio, estudar programação também é muito vantajoso para a criatividade. Embora crianças sejam naturalmente criativas, é necessário estimular essa habilidade e reforçá-la positivamente, o que é feito todos os dias com esse tipo de aula.

Domínio da resolução de problemas

Metodologias que utilizam a tecnologia, como é o caso dos métodos STEM e STEAM, são ótimas alternativas para desenvolver a resolução de problemas nos alunos. Durante as aulas, são passados desafios que devem ser resolvidos por meio da tecnologia e da programação.

Melhora na capacidade de escrita

Trabalhar com a linguagem da programação no cotidiano pode fazer maravilhas para a habilidade de escrita das crianças, além de ajudá-las a organizar as ideias com maior fluidez e coesão.

Desenvolvimento da autoconfiança

Errar é humano e completamente necessário para o aprendizado. Com os erros e os consequentes acertos, os alunos aprendem a lidar com a frustração e se tornam muito mais seguros de si, além de conhecerem muito melhor o próprio potencial para alcançar seus objetivos.

Com isso, podemos ver que o ensino de programação não é algo vantajoso apenas para uma futura carreira, mas também auxilia no desenvolvimento de habilidades cruciais para todas as áreas da vida. Além disso, esse tipo de aula fortalece o vínculo do estudante com as demais matérias ministradas no colégio.

Quais são as vantagens do ensino de programação para o colégio?

Não são apenas os alunos que saem ganhando com a implementação do ensino de programação nas instituições de ensino. Os gestores, funcionários e a escola como um todo também obtêm benefícios a partir dessa estratégia.

O primeiro deles é, sem dúvidas, o diferencial competitivo. Uma escola que investe em novas metodologias e inovações é muito mais bem vista do que as instituições que têm a mente fechada e permanecem, ano após ano, oferecendo os mesmos serviços a seus clientes.

Os professores, por sua vez, saem ganhando, já que também aprendem muito mais sobre o próprio ofício e se especializam em novas metodologias, ampliando o próprio leque de atuação e oferecendo aulas muito mais produtivas e divertidas, que realmente captam a atenção dos alunos.

Por fim, toda a equipe é beneficiada com esse tipo de estratégia, já que as coisas começam a fluir muito melhor. Com isso, todos lucram, indireta ou diretamente, com o ensino da programação nas escolas.

Como implementar essa disciplina na escola?

Discutir o ensino de programação é, por vezes, um certo tabu. A inovação normalmente causa estranheza e uma resistência, especialmente quando falamos com pessoas que já estão há muito tempo no setor e têm receio de inovar.

No entanto, é necessário que os administradores de escolas entendam que é preciso mudar para não ser passado para trás. A tendência é que todas as instituições, em um determinado momento, precisem se adaptar a esse tipo de metodologia para ofertar o melhor ensino possível a seus estudantes. Por que esperar?

O melhor método para implementar a programação no dia a dia escolar é contar com a ajuda de empresas especializadas no tema, que poderão dar todo o suporte necessário e treinar a sua equipe da maneira adequada, facilitando a transição de todos para essa nova realidade e ajudando na conscientização dos colaboradores.

Como a Happy Code pode ajudar?

Por ser a maior rede de escolas de programação robótica no Brasil, atendendo centenas de crianças e adolescentes com altíssimas taxas de sucesso, a Happy Code é uma referência quando falamos sobre o uso de tecnologia na educação.

Por meio de análises bem calculadas de cada escola, é possível fazer alterações estruturais personalizadas que viabilizam o ensino de programação em uma instituição. Além de criar o plano de negócios e ajudar na organização e em todos os processos necessários, as franquias Happy Code também auxiliam na integração da equipe.

Com isso, a parte técnica e a área de treinamento dos professores ficam a cargo da Happy Code, que oferece todo o suporte necessário para que a transição seja o mais suave possível para todos os envolvidos.

Como podemos observar, o ensino de programação já se tornou uma realidade. As escolas que investirem nessa estratégia sairão na frente e terão um incrível diferencial competitivo, além de fornecer a melhor educação possível a seus alunos, preparando-os adequadamente para o mercado de trabalho!

Gostaria de saber ainda mais sobre esse tema? Confira, gratuitamente, o nosso e-book ’Programação na Educação: O que você precisa saber para implantar na sua escola’’. Nele, você descobrirá ainda mais aspectos da programação em nosso dia a dia e aprenderá dicas para implementar esse conceito em sua instituição de ensino!

4 desafios da gestão escolar na educação do século XXI
Post anterior 4 desafios da gestão escolar na educação do século XXI
Descubra como incrementar a grade da educação integral na sua escola
Próximo post Descubra como incrementar a grade da educação na sua escola
Close